UCPel é parceira de evento em comemoração ao Dia Internacional de Monumentos e Sítios

O International Council of Monuments and Sites (ICOMOS Brasil), a partir do seu núcleo no Rio Grande do Sul, promove evento em celebração ao Dia Internacional dos Monumentos e Sítios. A atividade ocorrerá no dia 18 de abril, às 11h, no Auditório do Museu do Doce. A ação é realizada em parceria com o Programa de Extensão de Apoio às Práticas Patrimoniais do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Católica de Pelotas (UCPel).
Com o tema Paisagem Rural, a programação pretende destacar as áreas rurais enquanto paisagem e patrimônio. Especialmente, no âmbito do reconhecimento da tradição doceira da região colonial de Pelotas como patrimônio imaterial. 
De acordo com a professora da UCPel e membro do ICOMOS Brasil, Daniele Luckow, Pelotas foi escolhida para sediar o evento devido seu acervo de bens protegidos. O município conta com ações de preservação, além de ter sido alvo de um tombamento material (conjuntos arquitetônicos de várias praças) e imaterial (tradição doceira) nacional de forma conjunta.
Conforme Daniele, a intenção do ICOMOS é defender uma causa de forma compartilhada ao redor do mundo. “O propósito é chamar a atenção para um tipo de patrimônio cultural a cada ano. A expectativa é que o evento possibilite aos participantes conhecer e valorizar o patrimônio cultural local e do próprio ICOMOS, como importante defensor do tema”, afirma.
O evento também conta com o apoio da Universidade Federal de Pelotas (UFPel). O passeio não tem custo financeiro aos interessados, mas as despesas na vinícola da Família Camelato e no Restaurante Gruppeli são por conta de cada participante. O valor do café colonial é de R$ 30. As inscrições devem ser feitas através do formulário até o dia 15 de abril. As vagas são limitadas. 
Programação
11h- Mesa-redonda: A Tradição Doceira de Pelotas e a Paisagem Rural
Local: Auditório do Museu do Doce – Praça Cel. Pedro Osório, nº 08.  A mediação será feita pelo doutor em Memória Social e Patrimônio Cultural da UFPel, Darlan Marchi. Painelistas: ICOMOS e Paisagem Rural – Jorge Stocker Júnior; e Tradição Doceira de Pelotas – doutor em Antropologia Social, Fábio Cerqueira.
14h – Passeio Rural – incluindo visitas guiadas (Vinícola da Família Camelato e Museu Gruppeli) e café colonial no Restaurante Gruppeli. A saída para o passeio será no Museu do Doce.
Redação: Victoria Priotto

foto da notícia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *